pt

O Guia dos Experts Para se Tornar Uma Organização Mais Produtiva e Lucrativa Baseando-se em Dados

novembro 24, 2014

Melhores decisões começam com uma melhor cultura organizacional.
Como tomadores de decisões de negócios, uma atividade fundamental é colher todo o valor de nossos dados para que se consiga tomar as decisões mais confiáveis. Para fazer isso, precisamos avaliar se todas as estruturas e processos que temos realmente atendem isso.

A maioria dos processos e organizações tem a concepção de que, quanto mais alto na hierarquia você está, maior é a sua capacidade de tomar decisões.

A Jornada TARGIT

A Jornada TARGIT é toda sobre mover a mentalidade de que as pessoas melhor remuneradas sabem mais, e tornar a organização, como um todo, em um organismo baseado em dados.

O primeiro passo na jornada TARGIT pode ser chamado de BI "tradicional" e analytics aplicados a um data warehouse. A natureza disso é complicada e lenta. Mesmo que isso entregue um grande valor à empresa, há mais necessidades. Pense nisso: se você está utilizando o seu BI apenas para transformar seus relatórios em dashboards bonitos, para os mesmos usuários e com a mesma frequência, o valor entregue ainda é baixo.

O próximo passo incluirá descoberta de dados em tempo real e ação. Essa fase coloca a organização no caminho da excelência operacional, e enfrenta diretamente dois grandes desafios de negócio:

  1. Reduzir o tempo que leva entre tomar uma ação e ver os resultados;
  2. Encontrar os dados que não são influenciados por um número gigante de fatores, tornando o aprendizado impossível.

Pense em compartilhar os seus dados com fornecedores e outras partes externas que são importantes aos seus processos. Isso é o que, na TARGIT, nós chamamos de democratizar os dados. A habilidade de facilmente compartilhar informações importantes por toda a companhia destrói os tradicionais buracos de negros da informação, que fica presa aos departamentos.

Um dos nossos maiores objetivos na TARGIT é entregar a informação correta, para as pessoas certas, no momento apropriado, para que cada pessoa responsável por tomar decisões, em todos os departamentos, tenha acesso instantâneo aos dados necessários para tomar decisões de negócio inteligentes.

O terceiro passo em nossa jornada é começar a olhar para dados fora da organização. Tentar entender o que está acontecendo antes disso te afetar. E sim, eu estou falando de Big Data. 

A idéia de olhar para novas fontes de dados que nos ajudem a colocar coisas em uma melhor perspectiva não é nova. Herbert Simon disse, 30 anos atrás: Se seus dados não te dão as respostas, procure outros dados ao invés de espremer os dados que você tem. Essa é uma prática em todas as pesquisas de física. E a idéia da fase três da jornada TARGIT é exatamente transformar o seu processo de decisão em um método científico e estruturado. Você pode ler mais sobre a Jornada nesse E-book gratuito de como se tornar uma organização baseada em dados. 

Com a velocidade com que a quantidade de dados cresce, nós precisamos repensar constantemente como observamos and orientamos a nós mesmos.

Números não mentem

A pesquisa que Erik Brynjolfsen e seus colegas no MIT fizeram prova: Organizações baseadas em dados são mais produtivas, lucrativas e tem mais valor do que as que são menos orientadas a dados.

De acordo com a mesma pesquisa de Brynjolfsen, estamos às vésperas da Segunda Era das Máquinas. Eles encontraram grandes similaridades com a primeira era das máquinas, quando a tecnologia aumentou a produtividade e mudou completamente a forma que vivemos.

Mas para se tornar uma organização verdadeiramente baseada em dados - para chegar à terceira fase da Jornada TARGIT - é necessário que haja uma mudança na cultura organizacional mencionada acima.

Em um discurso que eu fiz no TARGIT Decision Day, em Setembro, eu falei sobre o porque isso é crítico e como isso pode ser alcançado por toda e qualquer organização. Você pode ver todo o vídeo clicando na imagem abaixo.

HerbertNathan 


Share