pt

Mensurando o desempenho de Supply Chain: os 4 KPIs que você precisa saber

dezembro 16, 2015

As métricas mais importantes quando se mede o desempenho de suas remessas.

A remessa é apenas metade do caminho quando se sabe quais KPIs monitorar, a fim de otimizar o sua área de supply chain. Também se faz necessário o foco no inventário. Por isso, destacamos também, os KPIs mais importantes para o monitoramento do inventário. Você pode conferir o artigo aqui.

Deseja uma cópia deste artigo? Faça o download do PDF.

Desenvolvemos ainda, um manual detalhado para lhe auxiliar no mapeamento de todos os KPIs mais importantes para a sua empresa, e para salientar por que é de suma importância concentrar-se em um número seleto de KPIs, de modo a obter a melhor visão do status da sua empresa.

Agora que você já realizou o download do PDF, vamos conferir o conteúdo.

Há três fatores críticos que estão diretamente ligados ao sucesso de sua supply chain. A supply chain está:

  1. Adquirindo os itens que a organização necessita?
  2. Fornecendo aos clientes os itens que estes necessitam?
  3. Fazendo todo o possível para obter o melhor preço no momento certo?
Com o objetivo de responder a estas perguntas, há sete KPIs que devem ser constantemente monitorados. Você pode conferir os três primeiros destes KPIs para lhe auxiliar a mensurar o progresso e desempenho do inventário, no guia: Mensurando o Desempenho da Supply Chain – Inventário.

Veremos agora o segundo conjunto de KPIs que precisam ser monitorados. Estes estão centralizados no processo de remessa.

1.  Entrega pontual

Em outras palavras, o pedido correto foi entregue ao cliente no prazo prometido? Priorize este prazo. Algumas lojas virtuais enviam remessas incompletas a fim de evitar sanções por atraso. Se a remessa correta não está onde deveria estar, isso é considerado atraso.

Enquanto este número é importante, também é fundamental atentar-se aos detalhes. Uma média geral considerada totalmente aceitável, pode não revelar que existe um depósito, em uma determinada região, que está comprometendo a média nacional, por exemplo.

Este e-book incluí um exemplo de como atentar-se ao detalhes de um número que pode lhe auxiliar a tomar as melhores decisões, com base em mais informações, que afetam a empresa inteira.

2. Média de atraso em dias

Analisar quando e por que as remessas atrasam, pode ajudar uma organização a entender as consequências das entregas em atraso. Isso também pode ajudar a obter um panorama do que houve de errado. É importante saber, por exemplo, o que houve com um pacote que possui um dia de atraso, em relação a um pacote que possui um mês de atraso, pois isso faz uma ENORME diferença para o cliente. 

.Esta coleta de dados deve ser automática e mostrar quantos dias, em média, um produto permaneceu na fábrica, no depósito, e em transporte até o cliente.

3. Índice de devoluções devido a danos de remessa ou erro de remessa

A remessa contém exatamente o que foi pedido? Ela foi entregue nas mesmas condições em que saiu da fábrica? Este KPI está diretamente ligado à KPI que analisa a pontualidade, pois, como mencionado anteriormente, uma entrega não é pontual se o item errado ou incompleto é entregue, ou se o item for danificado.

Se o item errado chega até o cliente, o processo de devolução se inicia, o que também é importante para as organizações monitorarem de forma consistente e fazer o registro dos motivos das devoluções.

4. Precisão na preparação das remessas

Este KPI mensura a qualidade das operações nos depósitos. O processo de separação é o primeiro passo para garantir que o cliente receba exatamente o produto que pediu. Com o objetivo de mensurar de forma eficaz a precisão na preparação das encomendas e identificar os possíveis erros antes que estes aconteçam, todas as empresas de supply chain devem possuir um alguma forma de verificar se cada item separado corresponde ao devido pedido, antes que este deixe o depósito.

Mensurar e monitorar estes KPIs fornecerá os dados necessários para tornar o processo de remessa mais eficiente. Com o uso adequado, também fornecerá uma valiosa fonte de dados de desempenho e servirá como incentivo para a melhoria. O vídeo abaixo mostra como exibir storyboards dos KPIs relacionados aos depósitos, garantem que todos da empresa tenham a visão e a motivação necessárias.


Quer ver outros grandes exemplos de como monitorar os KPIs corretos pode ajudá-lo a tomar decisões melhores e mais rápidas para a sua empresa? Este manual lhe auxilia na elaboração de uma estratégia de BI que atenda às suas necessidades de supply chain.

Share