pt

Os 5 melhores KPIs para a Análise de Frota de Maquinário Pesado

maio 31, 2017

O objetivo de uma solução de business intelligence e analytics para a indústria de maquinário pesado é tornar a sua vida mais fácil. O trabalho de uma análise de maquinário pesado é fornecer os dados necessários para a tomada das melhores decisões e disponibilizar informações detalhadas com o clique do mouse.

Isto tudo pode parecer muito interessante, mas existe o perigo de ser ter acesso há níveis de dados anteriormente inacessíveis: a sobrecarga de informações. O principal é criar uma estratégia para a sua empresa que especifique exatamente as métricas que você precisa mensurar para solucionar os problemas diários e que forneça as informações necessárias. Qualquer outra coisa que não proporcione nenhum benefício direto não é relevante.

Eu trabalho com usuários de BI da indústria de maquinário pesado o tempo todo para mapear estes importantes Indicadores-Chave de Desempenho (KPIs), a fim de um melhor gerenciamento da frota e maximização de lucros. Aqui estão os KPIs que deveriam ser os mais importantes para você.

Para obter um guia sobre como identificar os KPIS mais importantes para a sua empresa, independentemente da indústria, faça o download do e-book: As Métricas que Importam.

Os principais KPIs para o Gerenciamento de sua Frota e Maximização de Lucros

1. Utilização Financeira - Receita de locação anual/Custo total de aquisição

A Utilização Financeira, também chamada de Utilização do Dólar, mensura o valor real da receita obtida por cada equipamento. É um cálculo muito simples onde a receita de locação anual é dividida pelo custo total de aquisição. Se você deseja mais informações, é possível adicionar a receita de outros serviços e produtos, tais como combustível e taxas de entrega.

A análise do percentual de Utilização Financeira pode ajudar na comparação de quais equipamentos estão sendo mais rentáveis à concessionária. Potencialmente, este número irá ajudá-lo(a) a determinar o que você deve ser encomendado para ser adicionado à frota e se você deve comprar equipamentos novos ou usados, o que afeta significativamente o seu percentual de UF devido às enormes variações no custo de aquisição. Por outro lado, é possível verificar uma diminuição da Utilização Financeira e, com isso, decidir vender aquele maquinário ou equipamento de sua frota.

É fundamental saber imediatamente quando qualquer maquinário em sua frota fica abaixo de um determinado percentual de utilização. Você deve ser notificado instantaneamente pela sua plataforma de BI em vez de deixar este equipamento parado por muito tempo. 
analytics for heavy equipment

2. Período de Utilização - Dias Locados/Dias disponíveis

Por que ter um equipamento que não esta sendo utilizado o suficiente? Ou mantê-lo por muito tempo quando você pode analisar claramente uma tendência de diminuição? Ao monitorar o Tempo de Utilização pode maquinário ou por período de tempo, você pode tomar decisões mais rápidas e mais precisas sobre aquele equipamento ou as peças a serem mantidas. A análise correta da solução de maquinário pesado irá notificá-lo(a) imediatamente assim que sua frota ficar abaixo de um determinado percentual de utilização.

analytics for heavy equipment

3. Percentual de Falhas - Receita total/Despesas totais

O acompanhamento do Percentual de Falhas pode ser utilizado como cálculo final após o descarte de um ativo ou em um cenário "E-se" para o descarte de um ativo existente. É só medir a rentabilidade durante o tempo de vida útil de um maquinário.

Há muitas variações disso, porém a maneira mais fácil de analisar esta informação e verificar os valores de receita e de despesas. A fórmula para isto é o valor das despesas totais (preços de compra, preparação, custos de transporte, manutenção) versus a receita total (receita de locação, preço de venda).

Para os maquinários que ainda estão na fase "E-se", cenários podem ser criados. Por exemplo, qual é o preço de venda necessário para se atingir o retorno desejado de um equipamento? Isto pode ser personalizado para cada situação.
analytics for heavy equipment

4. Taxas de Manutenção

Não é uma boa ideia manter maquinários que precisam de manutenção constante. Há perda de receita -- porém, o mais importante -- a satisfação do cliente é afetada significativamente e a chance deste cliente deixar de usar o produto/marca é muito grande.

Antecipe estes erros em potencial por meio do acompanhamento dos custos de manutenção, histórico e idade da sua frota em comparação com a receita. Dessa forma, você se livrará dos maquinários com problemas e os substituirá por outros mais confiáveis.

5. Utilização Física - Dias de locação acordados com o cliente/Dias de locação em potencial

A Utilização Física difere do Período de Utilização tradicional, pois ele mede o tempo em que um equipamento está alocado para um cliente e não disponível para os outros. Este pode ou não ser o período em que o cliente foi cobrado por (avarias, questões meteorológicas, compensação por problemas anteriores, etc.), porém, é o período em que este equipamento não está disponível para outros clientes. Há variações destas informações, tais como quando incluir ou  não o período de demonstração / locação, mas isto pode ser personalizado para cada situação.

heavy equipment utilization analysis

Outros recursos de análises para maquinário pesado:

Share
BI Trends