pt

Quais são os KPIs mais importantes para o varejo?

setembro 19, 2017

Retail Ipad

O que significa ser uma empresa de varejo orientada a dados?

As empresas de varejo dependem de números. O sucesso ou o fracasso de um negócio no mercado concorrido e complexo resume-se ao fato de se sua empresa pode atingir os objetivos, realizar o controle eficaz do estoque e manter as vendas.

Pequenas mudanças na estratégia podem gerar grandes impactos nos resultados. Nenhuma indústria convive mais com ondas de tendências do que a varejista. Considere a importante grife de moda dos E.U.A, a J. Crew. No início dos anos 2000, a J. Crew transformou o guarda-roupa feminino em todo o país com seu baixo custo na aquisição de itens de alta costura. Era como se as clientes não tivessem paetês, colares ou bijuterias suficientes. Até que, aparentemente da noite para o dia, elas tinham. Atualmente, a empresa está lutando contra as vendas cada vez mais baixas, uma grande dívida e uma reorganização radical da liderança da empresa que se questiona se este é o fim de uma das marcas mais procuradas da indústria varejista.

Somente uma estratégia abrangente orientada a dados pode ajudar as empresas de varejo a responder às novas tendências de maneira proativa para assegurar que elas estejam à frente da curva, não caiam no esquecimento e sejam deixadas de lado como todas as bijuterias da parte inferior da caixa de joias da minha esposa. Dados não são apenas números gerados por operações. Em vez disso, representam a lógica por trás de toda a direção da empresa.

Promover um ambiente orientado a dados significa monitorar e mensurar todas as informações para identificar o que está gerando resultados e o que não está. Isto parece impossível e, sem as ferramentas certas em funcionamento para realizar a tradução dos dados, pode ser. 

Nas próximas semanas, realizarei o detalhamento das análises de varejo aqui no blog com cinco publicações, cada uma delas voltada para um passo crítico rumo a excelência orientada a dados. Abordarei como as empresas de varejo orientadas a dados tiram proveito das informações que precisam com as ferramentas certas para isso e com a mentalidade corporativa ideal para utilizá-las.

Para o primeiro post da série, abordarei o primeiro passo crítico da jornada rumo a tornar-se orientada a dados: identificar os indicadores chave de desempenho (KPIs) mais importantes da sua empresa de varejo. Não consegue esperar e quer saber quais são os cinco passos agora? Faça o download do e-book: 5 passos para melhorar a sua empresa de varejo com o Analytics

1º passo para a excelência orientada a dados: identifique as métricas mais importantes

O primeiro passo da jornada para a otimização orientada a dados é identificar quais métricas você deve monitorar. Ou seja: quais perguntas você precisa responder?

Pense nos dados que compõem seu business intelligence como fatores de causa e efeito. Estes dois fatores não indicadores de performance (causa) e os indicadores de resultados (efeito). Segundo o Gartner, 80% das empresas em todo o mundo medem somente os indicadores de resultado. Ou seja, elas não sabem o que impactou seus resultados ou o que modificar para conduzir melhorias. A chave para ter uma visão completa é mensurar tanto os indicadores de performance quanto os indicadores de resultado.

Identificar as métricas mais importantes para a estratégia de sua empresa evita a sobrecarga de informações e garante que os funcionários concentrem-se nos KPIs mais críticos. Este primeiro passo importante é geralmente onde nós vemos as empresas terem mais dificuldade. Muitas tentam se concentrar em muitas métricas diferentes sem manter o foco no que realmente importa. Além disso, o desejo das empresas de tirar proveito do Big Data está crescendo, mas a maioria não tem certeza de por onde começar com um projeto de Big Data.

Saiba mais sobre KPIs neste e-book: As métricas que importam.

O nosso melhor conselho é começar com os seus objetivos ou com os principais resultados que determinam o seu sucesso. Assim que você tiver esta informação, você pode abordar uma estratégia ao deixar claro as atividades que têm um maior impacto na obtenção destes objetivos. Com o objetivo em mente, torna-se mais fácil filtrar os dados importantes daqueles que não têm importância.

Algumas perguntas para lhe ajudar a começar.
  • Como os seus fornecedores e distribuidores afetam as taxas de rotatividade em todas as suas localidades?
  • Como cada novo produto apresentado afeta as vendas de linhas de produtos existentes? O impacto é o mesmo em todas as localidades?
  • Você está mantendo mais produtos em estoque do que o necessário? Como você pode reduzir os requisitos de estoque?
  • Quais são os problemas de seu supply chain? Você consegue aplicar o seu conhecimento sobre o supply chain de uma localidade para solucionar problemas em outra localidade?
  • Você consegue realizar a distribuição eficiente dos funcionários entre as localidades?
Perguntas geram mais perguntas durante este processo de identificação dos KPIs corretos. Muitas vezes, as respostas para uma pergunta geram mais perguntas sobre as informações existentes. A plataforma certa de análises irá lhe ajudar a obter detalhes para identificar o porquê de cada informação. Monitorar os KPIs corretos é apenas o primeiro de vários passos na construção de uma organização de varejo orientada a dados, mas cada passo adicional necessita destas informações para atingir o sucesso. Más decisões são o resultado direto de dados inconsistentes, portanto, escolha os seus KPIs cuidadosamente.

Quais área de seu negócio são as mais críticas para o seu sucesso e como uma melhor compreensão das métricas podem gerar resultados melhores para a sua empresa?

Preparado(a) para mais? Faça o download do e-book gratuito agora.

Retail index 3

Share
BI Trends